Da Redação*

O governador do Tocantins, Mauro Carlesse, tem se desdobrado em várias atividades durante a Agrotins 2019, para onde mudou seu gabinete por estes 5 dias do evento. A importância da pesquisa agropecuária para o desenvolvimento do setor no estado, carro-chefe da economia tocantinense, foi um dos assuntos destacados por ele, em entrevista a jornalistas.

Carlesse disse que o seu governo tem envidado esforços para garantir que o estado tenha condições atrativas para novos negócios, e citou exemplos como crédito fundiário, incentivos fiscais e, sobretudo, o fomento à pesquisa.

Para o governador, a Unitins tem uma missão muito especial nesse campo.

Governo entrega Certificado a empresário (Foto: Delfino Miranda/Governo do Tocantins)
Governo entrega Certificado a empresário (Foto: Delfino Miranda/Governo do Tocantins)

– Ela é a mais importante quando se fala em desenvolvimento de pesquisa agropecuária para o Tocantins e ficamos muito orgulhosos. A Unitins tem trabalhado muito, tem desenvolvido diversas pesquisas que comprovam a sua vocação estratégica para o desenvolvimento regional, tem até um produto novo, uma nova variedade de arroz genuinamente tocantinense – declarou, em sua fala, ao defender a necessidade do desenvolvimento de novas tecnologias para o setor agro.

– Nós precisamos de crédito fundiário, precisamos de regularização fundiária, nós precisamos também da pesquisa, pois sem pesquisa não vamos a lugar algum. Esse é um fator de predisposição para o desenvolvimento e a Unitins é a nossa prata da casa –  reforçou o secretário da Agricultura, Pecuária e Aquicultura, César Halum, garantido que trabalhará na Seagro valorizando a pesquisa.

O reitor da Unitins, professor Augusto Rezende, que acompanhou o governador na abertura da Feira, avalia que a Agrotins irá superar as expectativas. Espera-se um volume de negócios na ordem de R$ 2 bilhões, o que segundo ele, demonstra a pujança do agronegócio tocantinense.

– A feira tem sua origem na pesquisa, na descoberta de novas tecnologias, na transferência de conhecimento, no uso de novos procedimentos para trabalhar o agronegócio e a Unitins, como instituição que tem curso de Engenharia Agronômica, que tem um rol de 30 professores doutores que trabalham com pesquisa, não poderia ficar de fora deste ambiente – ressaltou o reitor, reconhecendo o apoio incondicional do governo do Estado no fomento à pesquisa.

Inspeção

Também na Agrotins, Mauro Carlesse entregou o 1º Certificado de Adesão ao Sistema de Inspeção com equivalência federal.

A primeira empresa que aderiu ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI-POA) no Tocantins recebeu o  Certificado das mãos do governador do estado e do presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha.

O evento ocorreu no gabinete do governador, na Agrotins, instalado no Centro Agrotecnólogico de Palmas. Com isso, a empresa, que é do município de Augustinópolis, região do Bico do Papagaio, passa a comercializar seus produtos em todo território nacional, pois o selo tem a mesma equivalência federal.

*Com informações da Secom/Governo do Tocantins