SHARE

Da Embrapa Pesca e Aquicultura*

A Embrapa estará mais uma vez presente na  Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins, a Agrotins, onde apresentará tecnologias e produtos resultantes de suas pesquisas. A empresa estará presente tanto em sua já tradicional área de exposição, como em oficinas e palestras dentro da programação do evento.

Estão programados dias de campo nas manhãs entre 8 (quarta-feira) e 10 de maio (sexta) na área de exposição da Embrapa. A dinâmica acontece de acordo com a chegada dos participantes, que poderão conhecer e tirar dúvidas sobre assuntos diversos. São 11 estações técnicas, que serão visitadas em grupo. As inscrições são feitas no estande da Embrapa.

Os temas dessas estações são: sisteminha Embrapa / produção integrada de alimentos na agricultura familiar; cultivares de algodão, gergelim e amendoim; cultivares de arroz; consórcio entre milho e BRS Tamani na safrinha; Balpass / seu gado pesado diariamente; Carne Carbono Neutro; ABC Corte / manejo de pastagens; Balde Cheio / como começar?; piscicultura em tanque escavado; piscicultura em tanque rede; e produção de pirarucu em tanque de vinilona.

O sisteminha Embrapa é uma das tecnologias a ser exposta durante a feira (Foto:Raimundo Rocha)
O sisteminha Embrapa é uma das tecnologias a ser exposta durante a feira (Foto:Raimundo Rocha)

Além dos dias de campo, quem for à área da Embrapa vai poder conhecer: 45 cultivares da Embrapa (sendo 15 de mandioca, 12 de feijão caupi, seis de forrageiras, três de soja, três de amendoim, duas de arroz, duas de girassol, uma de gergelim e uma de algodão); cinco sistemas de produção (consórcio entre açaí e banana, sisteminha Embrapa, consórcio entre milho e BRS Tamani, integração lavoura-pecuária-floresta e sistema de produção intensivo a pasto); e dois equipamentos (balança de passagem Balpass e semeadora em parceria Ikeda e Embrapa) resultados de parcerias com empresas privadas.

Já no estande, ao lado da área de campo da Embrapa, estarão demonstradas diferentes tecnologias. A ILPF (integração lavoura-pecuária-floresta) será apresentada em forma de realidade virtual, em que o visitante terá uma experiência diferente, acessando informações sobre o tema por meio de óculos próprios. Veja aqui como é essa experiência. Haverá também informações sobre diferentes aplicativos que a Embrapa disponibiliza para o produtor rural e demais interessados.

Para a cultura da soja, duas tecnologias estarão sendo apresentadas no estande. O fast-K (acesse aqui) é uma metodologia que determina a concentração foliar de potássio nessa cultura em condições de campo. Também serão mostrados a identificação e o manejo de doenças na soja. Hoje, essa é a principal cultura agrícola também no Tocantins. Os números mais recentes da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) mostram uma produção de mais de 3 milhões de toneladas na safra 2018/2019.

O sisteminha Embrapa será uma das tecnologias apresentadas (Foto: CDI-Cerrado Rural Agronegócios)
O sisteminha Embrapa será uma das tecnologias apresentadas (Foto: CDI-Cerrado Rural Agronegócios)

Outras participações 

A Embrapa também estará presente na Agrotins em palestras, oficinas e um workshop. Durante o I Simpósio Pecuária Dinâmica: Precisão no Ciclo Completo, serão três palestras. O pesquisador Pedro Paulo Pires, da Embrapa Gado de Corte (Campo Grande-MS), vai falar sobre desenvolvimento de softwares e hardwares para uso na pecuária. Já os temas de Marcelo Cunha, pesquisador da Embrapa Pesca e Aquicultura (Palmas-TO), serão recuperação e reforma de pastagens degradadas. Outra palestra da Embrapa no evento vai tratar de como elevar a produtividade e a rentabilidade na recria e na terminação a pasto e está a cargo de Pedro Alcântara, zootecnista da Embrapa Pesca e Aquicultura, Unidade da empresa que também realiza trabalhos com sistemas agrícolas integrados. O simpósio será nas tardes dos dias 9 e 10, a partir das 14h, no auditório do Pavilhão da Pecuária.

Na quinta-feira (9 de maio), a pesquisadora Marcia Grise, da Embrapa Pesca e Aquicultura, vai falar sobre o potencial de uso de sistemas agrícolas e pecuários sustentáveis na mitigação de gases de efeito estufa. Será das 14h às 14h:50, no auditório Beija-flor. E na sexta (10), o pesquisador Rodrigo Munhoz, também da Embrapa Pesca e Aquicultura, abordará plantio direto / potencial das gramíneas tropicais para formação de palhadas e aumento de produtividade. Está marcado para 14h às 15h no auditório Agricultura.

A Embrapa estará presente também em cinco oficinas.

Confira:

Oficina de processamento de pescado / defumação de pescado: dia 8, das 10h às 12h, no espaço do Instituto Federal do Tocantins (IFTO); os instrutores são os pesquisadores Viviane Verdolin, Patrícia Chicrala e Leando Kanamaru, da Embrapa Pesca e Aquicultura

Oficina de processamento de pescado / boas práticas de manipulação de pescado: também dia 8, das 10h às 12h, no espaço do IFTO; o instrutor é Roberto Machado, agrônomo da Embrapa Agroindústria de Alimentos

Oficina de pesca artesanal: dia 8, das 10h às 12h, no auditório Bem-te-vi; o instrutor é Adriano Prysthon, pesquisador da Embrapa Pesca e Aquicultura

Oficina de boas práticas / capacitação para transferência em boas práticas de manipulação: dias 8, 9 e 10, das 8h às 12h, no espaço Agroindústria, da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro); a instrutora é a pesquisadora Hellen Kato, da Embrapa Pesca e Aquicultura

Oficina de boas práticas / manipulação e processamento de leite em agroindústrias familiares: dias 8, 9 e 10, das 14h às 18h, no espaço Agroindústria, da Seagro; o instrutor é Roberto Machado

E tem mais – Na área da Embrapa, quatro empresas privadas licenciadas vão expor resultados de parceiras. A Coimma vai mostrar o BalPass , o Sistema Automático de Pesagem em Campo com Envio Remoto de Dados, que foi desenvolvido pela empresa juntamente com a Embrapa e com a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Lançada em 2017, a tecnologia permite pesar individualmente os animais diretamente no pasto, facilitando o trabalho de acompanhamento do ganho de peso deles.

Já a Ikeda vai apresentar dois equipamentos desenvolvidos em parceria com a Embrapa: a Motossemeadora MS 40 (para moto); e a Semeadora e Adubadora MS 60 CR (para trator). Entre as principais características, o primeiro equipamento tem baixo custo operacional e o segundo conta com abertura e fechamento do registro de dosagem feitos a distância. Além desses dois produtos frutos de parceria com a Embrapa, a empresa vai mostrar um triller, que é lançamento.

É o segundo ano que Coimma e Ikeda expõem produtos no estande da Embrapa na Agrotins. Em 2019, outras duas empresas estrearão no espaço da Embrapa na feira. A Brazeiro Sementes comercializa sementes de arroz, como a BRS Catiana e a BRS A701CL, frutos do programa de melhoramento genético da Embrapa. Em fevereiro último, foi assinado termo de cooperação técnico-financeira com três sementeiras visando ao fortalecimento da cadeia produtiva do arroz no Tocantins; uma dessas empresas é a Brazeiro. E a Sementes Quati mostrará cultivares de soja desenvolvidas em parceria com a Embrapa, a exemplo da BRS 7980, da BRS 8381 e da BRS 8581. Além das quatro licenciadas, a Aquabit, parceira na maratona de programação InoveAqua, estará no estande da Embrapa.

Está marcado também o Workshop para Jornalistas: Soja no Contexto da Sustentabilidade. Será das 15h às 16h30, no dia 7 de maio (terça), no auditório da Agroenergia e Floresta. O evento é uma promoção da Embrapa, do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Tocantins (Sindjor) e da Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa). O pesquisador Leonardo Campos, da Embrapa Soja (Londrina-PR), vai falar sobre o tema, contextualizando a situação na região do Matopiba, que envolve partes dos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia.

E no dia 10, sexta-feira, acontecerá o lançamento do InoveAqua, uma maratona de programação com o objetivo de desenvolver soluções tecnológicas para a aquicultura que sejam inovadoras. Será no auditório do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), das 10h às 11h.

Serviço

O que: 19ª Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins)

Quando: de 7 a 11 de maio

Onde: Centro Agrotecnológico de Palmas, situado no km 23 da TO 050, em Palmas-TO

Mais informações: https://agrotins.to.gov.br/

*Com edição de Cerrado Rural Agronegócios

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY