CIRCUITO NELORE – ACNB avalia carcaças em Nova Xavantina, nesta segunda, 12...

CIRCUITO NELORE – ACNB avalia carcaças em Nova Xavantina, nesta segunda, 12 e terça, 13

SHARE
“Mato Grosso respira pecuária, possuindo o maior rebanho bovino brasileiro" (Foto: ACNB)
“Mato Grosso respira pecuária, possuindo o maior rebanho bovino brasileiro” (Foto: ACNB)

Da Redação*

Com o compromisso de rodar o país e avaliar a produção do Nelore brasileiro, o Circuito Nelore de Qualidade, iniciativa da Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB) com suas associações regionais conveniadas, passará pela cidade Nova Xavantina (MT) nesta segunda-feira, 12, e amanhã, 13 de novembro, na unidade do Marfrig Global Foods. A iniciativa tem apoio da Associação dos Criadores de Nelore do Mato Grosso e patrocínio da Matsuda Sementes e Nutrição Animal.

Com rebanho aproximado de 300 mil cabeças bovinas, Nova Xavantina abrigará pela primeira vez uma etapa do Circuito Nelore de Qualidade, sendo uma grande oportunidade para os produtores do município e de localidades vizinhas avaliarem a qualidade de seu gado.

– Mato Grosso respira pecuária, possuindo o maior rebanho bovino brasileiro, com 30 milhões de cabeças. Nosso objetivo é oferecer aos criadores da região uma análise minuciosa do desempenho de seus animais e ajudá-los a aperfeiçoar determinadas questões ligadas à produção de carne bovina – destaca Guilherme Alves, gerente de produto e responsável pelo Circuito Nelore de Qualidade

O Circuito Nelore de Qualidade tem como objetivo central abater animais das mais variadas regiões do pais e realizar uma avaliação precisa em termos de desempenho produtivo para as características de idade de abate, peso e acabamento de gordura na carcaça.

– A ACNB entende a importância de mostrar ao produtor a qualidade expressiva do Nelore em produzir proteína animal e também de seu papel relevante na cadeia produtiva do país –  complementa Guilherme Alves.

Para mais informações sobre a etapa de Nova Xavantina e o Circuito Nelore de Qualidade, acesse www.nelore.org.br; telefone (11) 3293-8900 e no e-mail guilherme.alves@nelore.org.br.

*Fonte: Texto Comunicação Corporativa, com edição de Cerrado Rural Agronegócios

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY