Home Uncategorized Mais de 200 mil hectares preparados para o relançamento do algodão na...

Mais de 200 mil hectares preparados para o relançamento do algodão na Baixa de Cassanje

Duzentos e 50 mil hectares de terra foram preparados na região da Baixa de Cassanje, que compreende os municípios de Cahombo, Kunda-Dia-Base, Quela e Marimba, com vista o relançamento este ano da produção de algodão na província.

A informação foi avançada segunda-feira no município de Cahombo (135 quilómetros a norte da cidade de Malanje) pelo director provincial da Agricultura, Desenvolvimento Rural e Pescas, João António Manuel, durante uma visita de constatação aos projectos agro-pecuário daquela localidade.

De acordo com o responsável, a iniciativa enquadra-se no plano do governo central, que visa relançar a referida cultura no país.

Precisou que a reativação da produção algodoeira vai trazer vantagens económicas recíprocas, tanto para as empresas que vão trabalhar nesta cultura, tanto também para os pequenos agricultores.

Frisou que ao nível da província estão a ser criadas infra-estruturas para a transformação do algodão, assim como está a ser identificada os potenciais produtores e respectivos financiamentos.

Devido ao carácter industrial do algodão, disse ser necessário em primeira instância a criação de meios eficazes e modernos, para se poder atingir os objectivos preconizados.

Por outro lado, João Manuel adiantou que, para além da região da Baixa de Cassanje, as outras comunidades serão igualmente motivadas a produzir e comercializar algodão às empresas interessadas.

Lembrou que no município de Cacuso já se produz algodão em pequena escala, o que justifica o trabalho contínuo do governo provincial no que toca a identificação de tradicionais áreas de cultivo e criação de condições para o relançamento deste produto, a fim de contribuir para o desenvolvimento socioeconómico do país.