Ministro Blairo Maggi visita instalações do Inmet (Foto: Mapa)
Ministro Blairo Maggi visita instalações do Inmet (Foto: Mapa)

Na quarta-feira, 27, o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, visitou o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), quando acompanhou localmente a produção e difusão de informações sobre o clima que são utilizadas pelo setor agrícola e agropecuário.

– A visita foi importante para mostrar a qualidade dos serviços prestados, detalhar demandas e necessidades do órgão para obter ainda maiores avanços – diz Francisco de Assis Dinis, diretor do Inmet.

O ministro disse reconhecesse a importância do instituto para agricultura brasileira. Além de ter se certificado sobre as demandas e necessidades expostas.

– Estou ciente de que as informações saídas daqui servem para auxiliar o trabalho no campo e que algumas melhorias devem ser feitas, como investir recursos para adequar o Instituto ao patamar que já esteve e que perdeu por falta de investimentos nos últimos anos. Enquanto agricultor, tenho sempre olhado as previsões climáticas, principalmente, as de chuva para início de plantio, para programar a colheita – disse o ministro.

Novo satélite

Desde o início de janeiro, o Inmet monitora em tempo real o processamento de imagens do novo satélite meteorológico Goes-16 da National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA) dos Estados Unidos. O Inmet é a única instituição que tem garantido o monitoramento dos sistemas meteorológicos por imagens de satélite geoestacionário (gira à mesma velocidade da rotação) sobre a América do Sul. O Goes-16 substituiu Goes-13, permitindo melhor resolução dos dados coletados.

Da Ascom/Mapa, com edição de Cerrado Rural Agronegócios