SHARE

Da Redação*

O Tocantins pode se transformar em um dos maiores pólos de ovinocultura no Brasil. A opinião é do zootecnista Walter Celani Júnior, especialista brasileiro na área.

– Viajei o Brasil inteiro, conheço várias localidades e sei que não é difícil que o estado se torne referência no setor – garantiu.

Celani Júnior explica as razões de sua convicção.

– O estado oferece condições de produzir ovinos de altíssima qualidade e de altíssimo padrão para atender os mais diversos e exigentes mercados do Brasil – explicou.

As raças de ovinos criadas no Tocantins já garantem condições de expansão do setor (Foto: Seagro)
As raças de ovinos criadas no Tocantins já garantem condições de expansão do setor (Foto: Seagro)

Já o presidente da Câmara Setorial de Ovinos e Caprinos do Tocantins, o criador Gerson Dalla Costa, disse que a falta de mercado não preocupa. O Brasil importa, atualmente, do Uruguai e da Nova Zelândia, 80% da carne de ovino consumida no país. O produtor tem um rebanho com mais de três mil cabeças de ovinos em Barrolândia e planeja conquistar mercados no estado e no país.

*Fonte: Secom/Governo do Tocantins, com edição de Cerrado Rural Agronegócios

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY