SHARE
Sérgio Fernandes da Rocha trabalha nesta feira há 19 anos (Foto: Secom/Prefeitura)
Sérgio Fernandes da Rocha trabalha nesta feira há 19 anos (Foto: Secom/Prefeitura)

Da Redação*

A Prefeitura de Palmas, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural (Seder) inaugurou, na manhã desta sexta-feira, 26, a ampla reforma da estrutura que abriga a feira livre da Arno 33, na região Norte da capital.

A obra consistiu na reforma da cobertura e da estrutura metálica para proteção de chuva e sol, 1.200 metros de telas para proteção contra pombos, troca do piso, construção de boxes com revestimento cerâmico (dez para comercialização de pescado e carnes frescas e 18 para comerciantes da área de alimentação), banheiros coletivos feminino e masculino, banheiro adaptado para pessoas com deficiência, sala administrativa, quadros individuais de distribuição de luz e água, novas instalações hidráulicas, sanitárias e eletrônicas, fechamento das calçadas internas e instalações para combate a incêndios. A estrutura também ganhou rampa e corrimão e piso tátil para orientação de deficientes visuais.

– Essa reforma vai agora devolver a dignidade do comerciante de uma das feiras pioneiras da nossa cidade, referência para região Norte e que pode atender bem toda a população de Palmas. A estrutura que entregamos garante um espaço adequado para comercialização do produto do nosso produtor local e mais organizado para o consumidor de Palmas – frisou a prefeita Cinthia Ribeiro.

Prefeita Cinthia Ribeiro e secretário Sahium: economia na execução da obra (Foto: Antônio Oliveira/Cerrado Rural Agronegócios)
Prefeita Cinthia Ribeiro e secretário Sahium: economia na execução da obra (Foto: Antônio Oliveira/Cerrado Rural Agronegócios)

Conforme o titular da Seder, Roberto Sahium, a reforma foi executada visando garantir à feira um espaço moderno e adequado para geração de renda e segurança alimentar dos clientes da feira.

– Estamos usando agora um piso que evita infiltração. O piso anterior era poroso e facilitava a absorção de sujeira, o que não vai mais acontecer aqui. Temos agora um piso muito usado no ramo industrial e que ajuda a evitar transmissão de doenças. Essa e outras adaptações foram pensadas para garantir a segurança alimentar e o conforto para o consumidor que compra o alimento que vem lá do produtor da zona rural de Palmas – explicou Sahium.

Aproximadamente 14 mil pessoas passam pela feira da ARNO 33 todos os finais de semana (Foto: Antônio Oliveira/Cerrado Rural Agronegócios)
Aproximadamente 14 mil pessoas passam pela feira da ARNO 33 todos os finais de semana (Foto: Antônio Oliveira/Cerrado Rural Agronegócios)

Recursos

A obra recebeu recursos da ordem de  R$1.436.000,00, oriundos de emenda parlamentar da senadora Kátia Abreu e viabilizados por meio da Caixa Econômica Federal e convênio com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A otimização de recursos garantiu custo total final de R$1.286.000,00. A economia de R$ 150.000,00, segundo o secretário municipal de Desenvolvimento Rural (Seder), Roberto Sahium, será objeto de novos projetos que serão encaminhados à Caixa para beneficiar a feira.

A senadora Kátia Abreu esteve na entrega da feira e lembrou outras emendas que foram destinadas em benefício do produtor da Capital.

– É importante prestigiar o homem do campo. Na área rural, destinei recursos para reforma de feiras e para capacitação para ensinar técnicas novas ao produtor e para compra de calcário para garantir que haja produção. Porque é preciso ensinar a produzir em terra de qualidade porque essas duas coisas juntas ajudam a alavancar a produção. Com a cultura colhida, agora o beneficiado é o consumidor que vai encontrar o produto do campo em um lugar mais organizado para comprar de um feirante que trabalha em um local mais confortável – disse a senadora.

A feira

Sérgio Fernandes da Rocha trabalha nesta feira há 19 anos. Com a barraquinha já organizada com frutas e verduras expostas, ele conta que ficou satisfeito com a reforma.

– Agradou muito. Um lugar mais arrumado e limpo agrada o cliente, que observa tudo, e deixa tudo mais fácil de trabalhar – disse o feirante.

A inauguração da nova estrutura foi animada pela Orquestra Sanfônica Graciosa, de Palmas (Foto: Antônio Oliveira/Cerrado Rural Agronegócios)
A inauguração da nova estrutura foi animada pela Orquestra Sanfônica Graciosa, de Palmas (Foto: Antônio Oliveira/Cerrado Rural Agronegócios)

Prestigiaram a entrega da Feira da Arno 33 ao lado da prefeita Cinthia Ribeiro, além da senadora Kátia Abreu e secretário Roberto Sahium, o secretariado municipal, superintendente em exercício da Caixa, Vandeir Ferreira; presidente da Associação de Feirantes da Região Norte; Orivaldo Tomaz da Silva; presidente da Câmara Municipal, Folha Filho; líder do governo na Câmara, Laudecy Coimbra; vereadora Vanda Monteiro, vereador Etinho Nordeste, vereador Jucelino Rodrigues e demais autoridades e populares.

A Feira da Arno 33 tem aos fins de semana uma circulação média de 14 mil pessoas. Este movimento de clientes dos 360 feirantes do local gera uma movimentação mensal média de R$ 800 mil.

Durante a inauguração, o feirante José Reis Nunes (in memorian) foi lembrado e sugerido, através de proposta do vereador Folha, como nome de batismo da feira. A proposta está em tramitação na Câmara Municipal. O comerciante foi um dos fundadores da Praia das Arnos e um dos feirantes pioneiros na Arno 33, onde comercializava farinha, feijão, polvilho caseiro, arroz a granel e outros produtos.

*Com informações da Secom/Palmas

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY