ibr2019Da Redação*

Acontece, entre os dias 8 e 9 de maio, em Chapecó, Santa Cataria, o Interleite Sul 2019. O evento terá como sede o Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nês.

Conforme seus organizadores, os temais mais atuais que envolvem a cadeia produtiva do leite estarão em pauta, neste que já é qualificado e respeitado na cadeia produtiva do leite de todo o Brasil.

O CEO da AgriPoint Marcelo Pereira de Carvalho explica que o evento tratará da agenda de crescimento e dos desafios para o leite no Sul do País.

– Nossa equipe conversou com vários profissionais e pessoas ligadas à atividade leiteira para elaborar a programação e definir temas e palestrantes de cada painel – diz ele.

O seminário tem como princípio apresentar as principais mudanças que estão ocorrendo na cadeia, as tecnologias no campo, a aproximação entre indústrias e produtores. Neste ano, também traz temas que focalizam os consumidores, suas expectativas e exigências.

– A idéia é fazermos uma conexão da cadeia, envolvendo produção, tecnologia, indústria e consumo – completa.

Os principais painéis abordarão os temas Economia e Mercado; Estratégias de Negócio para Viabilizar o Produtor de Leite Familiar; Obtendo o Máximo da Produção de Silagem; Otimizando o Investimento na Propriedade Leiteira Para Ganhar Dinheiro; Conforto e Bem-Estar Animal e Um Olhar Sobre o Novo.

Assuntos fundamentais para a cadeia leiteira também serão colocados em discussão.

– Chega uma hora em que a propriedade atinge um limite, além de notarmos um envelhecimento da população e desafios com relação à sucessão. Queremos falar dessa conjuntura apontando casos de sucesso e as oportunidades para os produtores que estão passando por isso.

Também estarão em pauta temas como automação e robótica, terceirização de atividades, otimização de investimentos.

Inscrições e programação do Interleite Sul no site: http://www.interleite.com.br/sul

*Com informações da Texto Comunicação Corporativa